Youtuber diz que foi estuprada por ex-BBB

08/04/2019 - Por: O Dia
 
Vitória Castro, mais conhecida como Vee Castro, afirma ter sido estuprada por um ex-BBB em um cruzeiro - Rerodução Internet Vitória Castro, mais conhecida como Vee Castro, afirma ter sido estuprada por um ex-BBB em um cruzeiro - Rerodução Internet

A youtuber Vitória Castro, de 20 anos, mais conhecida como Vee Castro, usou seu canal na plataforma para fazer uma denúncia e um alerta. Sem citar nomes, a digital influencer contou que foi estuprada por um ex-BBB.

A digital influencer afirmou que foi à delegacia prestar queixa, mas se sentiu mal no local e preferiu ir embora. Pouco depois, em conversa com um advogado, foi aconselhada a não seguir com o caso já que não tinha provas do que aconteceu. Segundo Vitória, o homem não conseguiu penetrá-la e por isso apenas praticou sexo oral nela. O advogado teria dito que como não há provas, o ex-BBB poderia virar a acusação contra ela e processá-la.

Vitória, que tem mais de um milhão de seguidores só no Instagram, afirmou ter sido contratada por uma marca para fazer uma ação de marketing em um cruzeiro. No entanto, a jovem foi alojada no quarto com dois homens.

Segundo Vitória, quando o navio avisou sobre o horário de desembarque, ela entrou no quarto para arrumar sua mala junto com um dos colegas de dormitório. Só que ao entrar no local, encontrou o outro colega com quem dividia o espaço na cama com uma mulher.

 
 

"O menino da cabine, sem ser o meu amigo, estava de bermuda e sem camisa. Ele estava provocando. Ele abaixava a bermuda e estava provocando. Teve uma hora que ele tirou o short e ficou pelado na nossa frente… Por fim, ele pegou a toalha e enrolou no corpo e foi tomar banho", disse.

A youtuber disse que aproveitou o momento em que o homem foi tomar banho para tirar fotos do local, mas ele apareceu e também quis tirar fotos. "O menino que estava na cabine, eu não posso citar nomes então fica meio complicado, ele saiu e me deixou com o cara. Depois eu perguntei por que ele havia saído e ele disse que estava sentindo um clima entre a gente, só que foi um clima só da parte do cara. Ficou só eu e ele na cabine. Eu estava sentada mexendo no celular e ele me deitou e ficou chegando muito perto do meu rosto. E eu virava o rosto, ele perguntava o porquê, e eu dizia que não podia. Mas ele chegava cada vez mais perto do meu rosto e por fim ele me beijou. E depois só lembro da cena da gente em pé", disse.

Durante todo o vídeo, que tem cerca de 17 minutos, a youtuber conta com a ajuda de sua assessora, a quem chama apenas de Letícia. As duas contam tudo que aconteceu na cabine e como Vitória tentou fugir das investidas do homem. Ela relata ainda que o ex-BBB conseguiu tirar o seu short e a calcinha e que tentou transar com ela à força e sem camisinha:

"Eu comecei a falar ‘para, para, deixa eu ir embora’. E ele falava ‘não’. E eu não conseguia sair porque ele estava me prendendo na cama. E eu ficava ‘para’. Ele estava me prendendo com a perna, jogando o peso dele para cima de mim. Depois eu me dei conta que eu estava sendo estuprada. Eu comecei a chorar e ele não parava, ele não me deixava sair, eu já tinha pedido para ele parar e ele só falava não. E parecia que, quanto mais eu fazia isso (tentava fugir), mais ele gostava".

A youtuber conseguiu sair de perto do homem e correu chorando pelo corredor do cruzeiro. Quando já estava longe do quarto, ela ligou para sua assessora. "Eu estou gravando esse vídeo porque não consegui denunciar e eu queria usar a influência que eu tenho para alertar algumas garotas e quem sabe conseguir justiça. Esse cara é um ex-BBB e ele não tem um histórico muito legal. Eu andei pesquisando sobre ele", disse.

Segundo a jovem, ela está recebendo acompanhamento psicológico e a empresa que organizou a viagem a está ajudando. O vídeo viralizou nas redes sociais e algumas pessoas começaram a apontar Rafael Licks, ex-participante do "BBB 15" que também estava no navio, como o possível estuprador. No entanto, Vitória gravou um vídeo no Stories, do Instagram, dizendo que o rapaz não tem nada a ver com o caso.

"Gente, o Rafa veio falar comigo. E não, não foi ele. Eu conheci ele no navio e ele é um cara sensacional. Ele não tem nada a ver com essa história. Só isso que eu gostaria de falar", afirmou.

Acesse o Instagram do Notícia Extra

https://www.instagram.com/noticia_extra/

Leia as notícias mais acessadas do Brasil e do Mundo http://www.noticiaextra.com/.

O Dia

Envie seu Comentário